FMI reconhece ter sido atacado

O sistema de informação do Fundo Monetário Internacional foi invadido por hackers, os quais poderão ter recolhido dados financeiros confidenciais de vários países.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) sofreu um ataque informático “de larga escala e sofisticado”, que pode ter resultado na fuga de dados confidenciais sobre a economia de vários países. Segundo o jornal New York Times, a instituição não divulgou pormenores sobre o que foi obtido pelos criminosos, mas confirmou a ocorrência.

Apesar de ter acontecido há vários meses, o facto só foi revelado agora, por ter vindo a público um documento interno enviado pelo FMI ao seu conselho de directores. Um porta-voz do FMI afirmou que a instituição está a investigar o incidente, mas não prometeu mais detalhes. Segundo o mesmo responsável, o sistema do FMI funciona sem problemas, enquanto de acordo com uma fonte do NYT, o caso é considerado como exemplo de uma grande falha.

O sistema do FMI apresenta ligações com os líderes de vários países, que negoceiam condições de empréstimos essenciais para a economia dos seus países.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado