Steve Jobs em nova licença médica

Num e-mail aos colaboradores da empresa, o CEO da Apple anuncia que vai entrar em nova licença médica sem clarificar a causa. O CFO da companhia volta a assumir a gestão quotidiana da organização.

O CEO da Apple, Steve Jobs, está novamente de baixa médica, anunciou o próprio aos colaboradores, sem especificar quando estará de volta. As razões  para a licença também não foram especificadas. Apenas se sabe que  manter-se-á à frente da gestão estratégica da empresa mas o CFO, Tim Cook, vai tomar conta do quotidiano da organização. É a segunda vez que isto acontece.

Em 2004, Jobs foi submetido a uma cirurgia ao pâncreas para extrair um tumor cancerígeno. Na altura disse que não necessitaria de quimioterapia nem de radioterapia. Contudo, a sua aparência física degradou-se e os investidores reagiram, com o preço das acções da Apple a serem afectadas, em finais de 2008. No mês seguinte, o responsável foi forçado a anunciar uma licença médica  de seis meses. Complicações do seu estado de saúde terão levado à necessidade de fazer um transplante de fígado. Jobs regressou em Junho de 2009.

Eis o conteúdo do e-mail enviado à Apple:

“Team,

At my request, the board of directors has granted me a medical leave of absence so I can focus on my health. I will continue as CEO and be involved in major strategic decisions for the company.

I have asked Tim Cook to be responsible for all of Apple’s day to day operations. I have great confidence that Tim and the rest of the executive management team will do a terrific job executing the exciting plans we have in place for 2011.

I love Apple so much and hope to be back as soon as I can. In the meantime, my family and I would deeply appreciate respect for our privacy.

Steve”.


Tags


Deixe um comentário

O seu email não será publicado