Terminais Android impulsionam mercado de telemóveis em Portugal

No terceiro trimestre, as vendas de telemóveis aumentaram 12% suportadas pelo crescimento dos smartphones. Foram vendidas 1,6 milhões de unidades.

O segmento dos smartphones cresceu 82% face ao período homólogo, durante o terceiro trimestre do ano,e foi o que mais contribuiu para o crescimento do mercado de telemóveis. No mesmo período foram vendidas 251 mil unidades de smartphones, tendo sido os telefones com o sistema operativo Android os que mais cresceram no mercado face ao terceiro trimestre de 2009, de acordo com o estudo “IDC European Mobile Phone Tracker”. No terceiro trimestre de 2010 foram vendidos em Portugal 1,6 milhões de telemóveis, um crescimento de 12% nas vendas em relação ao mesmo período de 2009. No mercado relativo aos telefones tradicionais houve um crescimento de 4% face ao período homólogo, com 1,3 milhões de unidades vendidas, e uma dinâmica comercial fortemente apoiada nas vendas de terminais de gama baixa, de acordo com uma comunicado da IDC
“Em apenas dois anos, a Android tornou-se a segunda maior plataforma de smartphones em Portugal, com uma quota de mercado de 34%, face aos 48% da plataforma Symbian da Nokia, que tem um longo historial de liderança do mercado dos smartphones, afirma Francisco Jerónimo, responsável Europeu de pesquisa na área de telemóveis da IDC. Os principais factores desta evolução são na opinião do responsável, “as características técnicas dos telefones, a sua intuitiva experiência de utilização, o número elevado de aplicações gratuitas disponíveis, as sólidas parcerias com os fabricantes de terminais e operadores móveis e por último o preço competitivo dos terminais”. O analista salienta ainda a importância da “estratégia de portefólio seguida pelos operadores móveis portugueses: “sendo Portugal um país onde os consumidores são bastante sensíveis ao preço, os três operadores móveis apostaram na comercialização de telefones Android com a sua marca, fabricados a baixo custo por empresas chinesas”.
Neste contexto, a IDC estima que durante a segunda metade de 2011 os terminais com o sistema operativo da Google alcancem a liderança do mercado de smartphones, em resultado do número de novos modelos que serão lançados por fabricantes como a HTC, LG, Samsung e Sony Ericsson, bem como pelos operadores com marca própria, a preços bastante inferiores aos dos modelos actuais. O crescimento previsto para 2011 para os terminais com este sistema operativo é de 139%, consideravelmente superior às previsões de crescimento de 15% para os terminais Symbian, e de 59% para todos os smartphones.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado