Crescimento lento dos processadores para 2011

Depois das vendas históricas alcançadas em 2010, tudo parece indicar que os lucros da indústria dos processadores crescerá cerca de 33% este ano, para tingir o marco histórico acima dos 300 milhões de dólares.

A Associação da Indústria de Semiconductores (SIA), vaticina que 2010 será um ano em que se vão bater todos os recordes de lucros da indústria. Também revelou que esse crescimento será atenuado no próximo ano.
A SIA é uma associação da indústria que representa os fabricantes de processadores norte-americanos e declarou que os lucros vão crescer 32,8% este ano, até alcançar os 300.500 milhões de dólares, ultrapassando pela primeira vez a barreira dos 300 milhões de dólares.
“Temos tido um recorde de vendas este ano devido a uma forte procura mundial em toda uma variedade de mercados finais”, declarou o presidente da SIA, Brian Toohey. “Esperamos um crescimento mais moderado em 2012, à medida que a economia recupere e se restaure a confiança dos consumidores”.
A procura de PC, telemóveis e novos dispositivos como o iPad impulsionou as vendas de processsadores em 2010. A recuperação mundial após o forte revés do ano passado também contribuiu para estes bons resultados, já que os fabricantes de chips tiveram que produzir mais unidades para suprir a procura mundial.
No próximo ano, o crescimento deverá ser mais lento.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado