Dez fabricantes de processadores em cartel

Comissão Europeia impõe multa de 331 milhões de euros

A Elpida, Hitachi, Hynix, Infineon, Mitsubishi, Nanya, NEC, Samsung e Toshiba foram multadas pela Comissão Europeia em 331 milhões de euros acusadas de práticas de cartelização.

A Micron ficou isenta das multas por ter denunciado a fixação de preços em cartel entre 1998 e 2002, no mercado das memórias DRAM (Dynamic Random Access Memory) para computadores pessoais e servidores.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado