Cobrar mais por acesso em fibra é errado

Ozgur Aytar, gestora de pesquisa da Pyramid Research, diz que os operadores que investiram na implementação de fibra óptica devem focalizar-se em promover a adopção de serviços sobre a plataforma em vez de cobrar mais por eles.

Na visão da analista da Pyramid Research, Ozgur Aytar, cobrar um preço mais alto por um serviço de acesso por fibra óptica será nocivo, quando os operadores deveriam estar mais concentrados na promoção da adopção dos serviços. Outra prioridade deveria ser a inovação dos serviços “à medida que vão surgindo oportunidades para os programadores desenvolverem novos serviços e funcionalidades”; assim como a multiplicação de serviços chave sobre fibra. Para Aytar, o investimento do Governo baixou o valor de Capex dos operadores e isso deverá traduzir-se  em benefícios para os consumidores e utilizadores das redes. Aprofundando o tema da estratégia de preços a praticar pelos operadores de fibra óptica, a responsável lembrou que o preço continua a ser o principal factor isolado de selecção.

Além disso, recorda que a aposta na fibra permite aos operadores de telecomunicações reforçarem a sua posição no mercado, a promoverem níveis de fidelidade, e de satisfação dos clientes. E mesmo que o Capex ainda esteja muito alto, os operadores devem estar atentos ao número de casas passadas e na capacidade de atracção dos serviços.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado