CTT vão investir 38,5 milhões em sistemas de informação

No sentido de fazer face à liberalização do mercado postal (agendada para 2011), a empresa vai colocar em prática um plano estratégico – ctt2012 – de acordo com o qual deverá investir 190 milhões, nos próximos três anos.

correio_153Na área dos sistemas de informação, o plano estratégico engloba o investimento, soluções de mobilidade para a rede de distribuição, atendimento ao cliente, negócios digitais, a actualização da plataforma de gestão de recursos humanos e o desenvolvimento de uma nova plataforma de suporte à prestação de serviços financeiros.
O investimento previsto para as actuais participadas do Grupo CTT ultrapassará os 26 milhões de euros. Deste total, cerca de 20 milhões de euros serão investidos no correio expresso e encomendas em Portugal (CTT Expresso) e Espanha (Tourline Express). O investimento centrar-se-á em projectos de logística e de sistemas de informação de suporte ao negócio.
O maior investimento será realizado pela empresa-mãe (CTT, SA), cerca de 105 milhões de euros, destinados a reforçar as condições da empresa para enfrentar o mercado liberalizado. Como exemplo dos vários projectos estruturantes da empresa, esta refere, em comunicado, o novo Centro Operacional de Correio do Norte. a inaugurar já no último trimestre do corrente ano. Custará 10,1 milhões de euros. Outros investimentos como a instalação de equipamentos de última geração para incrementar a automatização das operações de tratamento de correspondência  valerão 13,4 milhões de euros.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado