Phishing caíu 45% segundo a Symantec

A Symantec registou uma descida de 45 por cento no número de ataques de phishing ocorridos em Setembro, face ao mês anterior.Os números da Symantec, apresentados no seu relatório “State of Phishing” de Setembro, indicam que foi observado um decréscimo nos volumes totais de phishing comparativamente com o período em análise homólogo de 2008.

O fabricante de soluções de segurança,diz que podem existir vários factores na origem desta taxa de crescimento negativa, sendo que um se destaca: o desmantelamento em Agosto de um ataque de grandes dimensões dirigido especificamente aos sites de redes sociais. Outros factores incluem a aplicação de técnicas mais eficazes de combate ao phishing por parte dos ISP, fabricantes de segurança, autoridades, etc., bem como ainda o aumento da consciência dos utilizadores da Internet para este tipo de crime.

 

O relatório da Symantec, destaca as seguintes conclusões:

• 30 por cento das URLs de phishing foram geradas através de toolkits de phishing, o que representa uma diminuição de 74 por cento face ao mês anterior;

• Registou-se um aumento de 11 por cento no número de sites de phishing em que o inglês não é a língua utilizada;

• Foram utilizados mais de 111 serviços de alojamento Web, representando 11 por cento de todos os ataques de phishing, uma descida de quatro por cento face ao mês anterior;

• A Symantec identificou um aumento no recurso a uma táctica de phishing utilizada para perpetrar ataques específicos a uma aplicação de e-mail muito popular.

 

 

Volume de spam

No seu relatório mensal de Setembro sobre o volume de spam, a Symantec afirma que os volumes globais de correio não solicitado representavam, em Agosto de 2009, uma média de 87 por cento de todas as mensagens de e-mail recebidas. "O spam sobre assuntos de saúde voltou a descer este mês e representa agora 6,73 por cento de todo o correio, sendo que mais de 29 por cento das mensagens são agora sobre a Internet", diz o relatório.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado