Yahoo rejeita proposta da Microsoft

A Yahoo rejeitou a proposta da Microsoft e do investidor Carl Icahn de reestruturação e a venda dos negócios de pesquisa à empresa de software.

A proposta da dupla Microsoft/Carl Icahn incluía a venda do negócio de pesquisa, a reestruturação da administração da Yahoo e ainda a venda do negócio de pesquisa algoritmica e a estratégia relacionada, bem como a propriedade intelectual. A Yahoo recusou alegando que o seu recente acordo com a Google é financeiramente mais vantajoso e menos arriscado do que a proposta da Microsoft.

 

“Esta aliança entre a Microsoft e Carl Icahn não tem qualquer interesse para a Yahoo, nem para os seus accionistas”, disse Roy Bostock, chairman da companhia, acrescentando que a administração está aberta a negociações que sejam uma mais-valia para a empresa. Foi ainda mais longe na resposta: “Carl Icahn e a Microsoft apresentaram-nos uma proposta que incluía a reestruturação da empresa, entregar o negócio de pesquisa à Microsoft e a administração da empresa a Carl Icahn, dando-nos menos de 24 horas para aceitar. É ridículo achar que a administração da Yahoo iria aceitar tal proposta”.

 

A administração avançou que aceitaria vender a totalidade da empresa à Microsoft por não menos do que 33 dólares por acção, afirmando que sempre esteve disposta a negociar a operação de pesquisa. Segundo a Yahoo, a Microsoft rejeitou ambas as propostas.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado