Lógica Edinfor abre centros de competência Portugal

Os três centros – SAP IS-Utilities, sistemas de informação georeferenciada, e serviços documentais – já concentram uma equipa de 500 técnicos, num total de 1700 elementos que compõem hoje a empresa em Portugal.

Através da sua participada Edinfor, em que detém 60%m, a LogicaCMG Edinfor inaugurou ontem, com a presença do secretário de Estado da Economia e da Inovação, António Castro Guerra, e de Martin Read, CEO do Grupo LogicaCMG, os três centros de competência  internacionais em Portugal, preparados para servirem sobretudo clientes da multinacional a nível mundial, além dos clientes da própria da Edinfor, nomeadamente, a EDP, que detém 40% da empresa, e do grupo Millenium BCP.
Os centros concentram cerca de 500 técnicos, à volta de três áreas: tecnologias SAP IS-Utilities, localizado no Porto, sistemas de informação georeferenciada, e serviços documentais. A empresa admite localizar competências destes centros fora de Lisboa. Sem revelar o investimento realizado e ainda por concretizar, a empresa diz que até 2009, tinha planeado criar perto de 400 novos postos de trabalho, mas já em 2006 atingiu metade (200) do número inicialmente previsto. Actualmente, a empresa tem um estrutura de recursos humanos com 1700 pessoas, e pretende até 2009, receber mais 200 nos seus quadros.

Vergílio Rocha, administrador executivo da LogicaCGM Edinfor, com a função de COO (Chief Operation Officer) vai acumular, temporariamente, as funções da unidade de negócio que agrega os Centros de Competência, sendo auxiliado por Guilherme Bastos (SAP IS-Utilities), Jorge Monteiro (Document Services) e Paulo Barbosa (Sistemas de Informação Georeferenciada) responsáveis por cada uma das novas estruturas.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado