Twitter equaciona ter TweetDeck para profissionais

A empresa começou a questionar utilizadores da versão actual sobre o interesse em acrescentar-lhe funcionalidades, para ter um serviço pago.

 

twitter-tweetdeckA Twitter está a considerar disponibilizar uma versão paga do TweetDeck, em modelo de subscrição, com funcionalidades para uso profissional. Mas primeiro está a inquirir os utilizadores sobre o interesse na potencial oferta.

A empresa gestora da rede social está a enfrentar uma conjuntura marcada pelo crescimento quase plano das suas receitas. A esta evolução junta-se um aumento pouco brilhante no número de utilizadores durante o quarto trimestre, em comparação com pares como a Facebook.

Uma oferta por subscrição assinatura de seu serviço estaria alinhada com as estratégias de alguns outros serviços da Internet, como os da LinkedIn da Microsoft, que oferecem recursos adicionais aos usuários pagos. A Twitter disse numa declaração por e-mail que está a realizar uma pesquisa “para avaliar o interesse numa nova versão, mais aprimorada” do TweetDeck.

A aplicação para utilizadores intensivos da Twitter permite que as pessoas façam a monitorização de várias cronologias de entradas e publicações numa só interface. Possibilita também gerir várias contas e agendar a publicação de mensagens.

A Twitter não comentou na quinta-feira se o desenvolvimento de um novo produto já tinha começado. A empresa companhia informou no mês passado que registou uma média de 319 milhões de utilizadores activos médios mensais no o quarto trimestre, um aumento homólogo de 4%. A receita cresceu 1%, para 717 milhões de dólares.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado