gavgavka.com

As seis apostas da Agenda Digital nacional

22 de Novembro de 2012 às 20:34:49 por Pedro Fonseca

Documento será conhecido até final do ano, reiterou o responsável governamental pela sua execução.

Acesso à banda larga e mercado digital europeu único, investimentos em investigação, desenvolvimento e inovação, literacia e inclusão digital, combate à fraude e evasão fiscal, desafios da sociedade e empreendedorismo e internacionalização.

Estas são as seis grandes linhas de orientação para a Agenda Digital portuguesa, documento que deverá ser conhecido nas próximas semanas, garantiu Carlos Oliveira, secretário de Estado do Empreendedorismo, Competitividade e Inovação, que revelou estas linhas no Congresso das Comunicações, que hoje terminou em Lisboa.

À margem do evento, clarificou ao Computerworld que o tópico dos desafios da sociedade se prendem, por exemplo, com a agilização da justiça.

Carlos Oliveira considerou ainda que “são precisos mais conteúdos”, agora “é preciso uma aposta em software (serviços e produtos) após se ter investido em infra-estrutura e hardware”.

Salientou ainda a necessidade de Portugal se tornar uma “startup nation”, um país de novas empresas, bem como na aposta no “nearshoring” e em centros de excelência no país, e “o Governo quer apoiar este tipo de investimentos”.

Para este responsável governamental, os próximos grandes desafios são a definição de uma “estratégia clara e ambiciosa proposta” pelo sector das TIC, a cooperação entre TICs e Estado, o apoio das grandes empresas às PMEs nos processos de internacionalização e ainda a formação.

Tags: ,

Insira um comentário, ou crie um trackback no seu próprio site.

Deixe o seu Comentário