Perguntas e respostas sobre o Windows 8

Tem dúvidas sobre o novo sistema operativo? Eis algumas respostas.

O Windows 8 foi lançado na passada sexta-feira mas o que é novo e significativo no novo sistema operativo? Eis algumas perguntas frequentes e respostas que podem ajudar a compreender o que é importante.

O que é o Windows 8?
É o novo sistema operativo da Microsoft.

Porquê todo este recente alvoroço?
Qualquer novo sistema operativo da Microsoft recebe muita atenção mediática mas o Windows 8 é uma mudança radical das versões anteriores.

Como?
De muitas maneiras.

O Windows 8 tem uma nova interface de utilizador táctil, apelidada pela Microsoft de “Modern”. Em vez de ícones, possui blocos dinâmicos – “mosaicos” coloridos com os nomes das aplicações – que podem exibir dados em tempo real, tais como o bloco para uma aplicação de meteorologia que mostra a temperatura actual ou uma aplicação de rede social que exibe a última mensagem recebida.

A Microsoft criou uma loja (Windows Store) onde os clientes podem fazer download de aplicações e onde programadores podem vender as aplicações que produziram. Os dispositivos do Windows 8 podem ser ligados ao SkyDrive, armazenamento baseado em nuvem, onde os utilizadores podem colocar fotos e documentos para guardá-los e visualizá-los em qualquer máquina ligada à Internet.

O novo sistema mantém um interface desktop tradicional para aqueles que não estão prontos para a “moderna”, que é focada no toque.

Ser táctil não exige aplicações especiais?
Sim, e a Microsoft está a incentivar os programadores a criarem as chamadas aplicações “modernas”, que aproveitam os recursos do Windows 8. Um exemplo é utilizar o ecrã inteiro ao projectar aplicações, já que não há nada exibido no ecrã além da app em si – nnem barras de ferramentas ou de tarefas.

As aplicações também podem usar as ferramentas do sistema dentro de outras apps. Por exemplo, o sistema tem uma ferramenta de pesquisa para encontrar aplicações ou ficheiros. Quando acedida dentro de uma aplicação, aquela mesma ferramenta pode lançar uma busca dentro do mesmo – se estiver programada correctamente.

Uma característica fundamental é que essas aplicações são executadas numa “sandbox” logicamente isolada para que não sejam afectadas por malware que pode estar presente na máquina. As aplicações modernas suportam tanto hardware x86 como ARM, podendo ser facilmente executadas em laptops, desktops, tablets e até mesmo telemóveis com poucas modificações.

Como funciona?
Juntamente com o Windows 8, a Microsoft está a lançar o Windows Runtime, uma aplicação de arquitectura que permite o desenvolvimento multi-plataforma em linguagens de programação comuns, incluindo C++/CX, C#, JavaScript e VB.NET.

Existem versões diferentes do Windows 8?
Sim, quatro.

O Windows 8 é a versão para o consumidor doméstico.

O Windows 8 Pro é destinado a utilizadores domésticos tecnicamente mais experientes e utilizadores corporativos.

O Windows Enterprise 8 foi projectado para grandes empresas e conta com o suporte de manutenção básico do Software Assurance.

Por fim, há também o Windows RT, uma versão para processadores ARM. Este tem algumas outras diferenças. Ele é vendido apenas num pacote com o hardware e executa somente aplicações adquiridas pela loja online do Windows. A excepção é uma versão especial de certas aplicações do Office que vêm com a plataforma – Word, Excel, PowerPoint e OneNote.

Quanto custa o Windows 8?
Depende. Se comprou ou vai adquirir um computador com Windows 7 Home Basic, Home Premium, Professional ou Ultimate, entre 2 de Junho de 2012 e 31 de Janeiro de 2013, pode fazer o “upgrade” por valores mais acessíveis.

O que é o Surface?
Surface é o nome dado a um dispositivo híbrido de laptop e tablet que a própria Microsoft está a produzir. Tem duas versões principais: uma executa o Windows RT, denominado de Surface RT, que vem instalado numa máquina baseada em ARM e suporta apenas aplicações da Windows Store. A outra tem o Windows 8 completo em máquinas x86, que suportam aplicações modernas e as tradicionais do Windows.

Isso é importante?
A Microsoft tradicionalmente permite que os OEMs (Original Equipment Manufacturer  ou fabricante original de equipamentos) vendam pacotes de hardware com o software da empresa pré-instalado. Isto significa que o Surface chega ao mercado para competir com os próprios parceiros.

Porque fazem isso?
Provavelmente, a empresa de Redmond quer mostrar as maiores vantagens do Windows 8 e, para isso, quer ter a certeza de que há pelo menos uma plataforma que optimiza essa experiência.

O que é um híbrido de laptop e tablet?
No caso do Surface, é um tablet com ecrã táctil com Windows 8, que pode ter uma capa opcional que funciona como um teclado e tem apenas 3 milímetros de espessura.
(Network World/IDG Now!)

Leave a Reply

Your email address will not be published.